Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Zona euro em recessão em 2013 e com risco aumentado de desagregação - Moody's

Lusa economia

  • 333

Nova Iorque, 13 mai (Lusa) - A Moody's reviu em baixa a previsão de crescimento da zona euro, esperando uma recessão até 1% este ano, e considera que o risco de um país sair da moeda única é mais elevado devido à quebra de solidariedade percecionada.

Na atualização de maio do 'Outlook' para 2013 e 2014, a agência de 'rating' [avaliação] afirma esperar "uma recessão mais profunda e prolongada que o inicialmente previsto" e antevê já um crescimento negativo no primeiro semestre deste ano, salientando também as consequências nefastas para o desemprego.

Para além dos números, a agência de notação financeira Moody's, no relatório de maio sobre as perspetivas e os riscos da economia mundial, encontra também riscos políticos, considerando que as recentes decisões sobre o modelo do resgate a Chipre, nomeadamente a "aparente tolerância ao risco", e a "imprevisibilidade da formulação das políticas", criam condições para que um partido que defenda a saída da moeda única consiga chegar ao poder num dos 17 países que compõem o bloco do euro.