Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Vítor Gaspar diz que decorrem esforços para "equilibrar" Orçamento

Lusa economia

  • 333

Bruxelas, 25 abr (Lusa) -- O ministro das Finanças afirmou hoje que prosseguem esforços com vista a "equilibrar" o Orçamento de Estado, na sequência do acórdão do Tribunal Constitucional, mas não revelou se serão decididas novas medidas no Conselho de Ministros de sexta-feira.

Vítor Gaspar, que falava em Bruxelas a jornalistas portugueses à margem de uma conferência sobre estabilidade e integração financeira, ao ser questionado sobre a possibilidade de o Conselho de Ministros agendado para sexta-feira em Lisboa apresentar as medidas para substituir aquelas "chumbadas" pelo Tribunal Constitucional, assim como as de reforma do Estado, limitou-se a dizer que o objetivo do Governo é "encerrar com sucesso" o sétimo exame regular da 'troika' ao programa de ajustamento português.

"O que lhe posso dizer é que estão a decorrer esforços para encerrar com sucesso o sétimo exame regular, o que exige que sejamos capazes de equilibrar o orçamento dentro do limite negociado no sétimo exame regular para 2013, e sejamos também capazes de perspetivar o médio e longo prazo com uma redução substancial na despesa pública e, em particular, na despesa pública em percentagem do PIB" (Produto Interno Bruto)", disse.