Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Vendedores ambulantes de pipocas protestam no Porto contra a falta de normas

Lusa economia

  • 333

Porto, 03 de Abril (Lusa) -- Uma dezena de vendedores ambulantes juntou-se hoje frente à câmara do Porto, distribuindo pipocas e algodão doce em troca de assinaturas num abaixo-assinado que reclama a criação de normas na atividade e a atribuição de lugares de venda.

"A única coisa que queremos é que nos deixem trabalhar", disse à Lusa João Ferreira, um dos organizadores da manifestação segundo o qual "algumas das normas estão mal feitas e as que estão bem feitas não são aplicadas".

Segundo o porta-voz, a câmara lançou em 2010 editais com cerca de 20 lugares de venda de pipocas e algodão doce distribuídos pela cidade que "nunca foram atribuídos".