Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

UE/Crise: "Cidadãos começam a ficar dominados pelo medo" -- Jorge Sampaio

Lusa economia

  • 333

Istambul, 01 jun (Lusa) -- O alto representante do secretário-geral das Nações Unidas para a Aliança das Civilizações, Jorge Sampaio, disse à Lusa que o "medo, desconfiança e ressentimentos" provocados pela crise são uma "mistura explosiva" que é preciso resolver.

"Costumo dizer que esta crise não é só uma questão de números, de orçamento e de financiamentos. No centro da crise estão pessoas -- pessoas que temem pelos seus empregos, que receiam pelo seu futuro; no centro da crise estão cidadãos que começam a ficar dominados pelo medo, pela desconfiança e pelo ressentimento, uma mistura explosiva a que há que saber dar resposta", afirmou o ex-Presidente da República português.

A resposta deve ser política no plano nacional e europeu, "para além das respostas cívicas que os cidadãos possam organizar", disse Jorge Sampaio, que coordena em Istambul, desde quinta-feira, a conferência de doadores da Aliança das Civilizações.