Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Taxa de recuperação de crédito deverá ter caído 15% em 2012 - Intrum Justitia

Lusa economia

  • 333

Lisboa, 16 fev (Lusa) -- O diretor ibérico da Intrum Justitia, Luís Salvaterra, estima que a taxa de execução de crédito, em Portugal, tenha caído cerca de 15% em 2012, face ao ano anterior, e alerta que estão a aumentar os créditos incobráveis.

Em declarações à agência Lusa, Luís Salvaterra explicou que a taxa de recuperação de crédito resulta do rácio entre o valor a cobrar e o valor efetivamente cobrado, apontando para uma quebra de 15% em 2012, sendo que os números definitivos serão divulgados em maio.

O diretor ibérico da Intrum Justitia, que opera no mercado de cobrança de crédito, justifica esta queda com "as dificuldades conjunturais do país" e com o aumento do número de insolvências, quer nas empresas quer nos particulares, alertando que "está a aumentar o número de [créditos] incobráveis".