Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

SINTAP adere à greve de 14 de novembro contra austeridade

Lusa economia

  • 333

Lisboa, 27 out (Lusa) - O Sindicato dos Trabalhadores da Administração Pública e de Entidades com Fins Públicos (SINTAP), afeto à UGT, anunciou hoje que vai aderir à greve de 14 novembro, convocada pela CGTP, contra as medidas de austeridade.

Em comunicado, o SINTAP, que hoje reuniu o seu conselho geral, explica que "o Orçamento do Estado apresentado pelo Governo pretende impor aos portugueses uma ultra-austeridade totalmente inaceitável, que exige sacrifícios brutais, agrava a crise económica, provoca um acentuado aumento do desemprego e da pobreza e exclusão e aumenta gravemente a injustiça fiscal e social".

O sindicato aponta que "o Governo exigiu grandes sacrifícios em 2012, em especial aos trabalhadores da Administração Pública e, apesar disso, não foi capaz de cumprir os objetivos do défice, face ao falhanço nas receitas provenientes do IVA e do IRC, para o qual contribuiu o aumento da fraude fiscal".