Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Sindicatos espanhóis temem que cimeira europeia avance pouco nas questões emprego

Lusa economia

  • 333

Madrid, 24 jun (Lusa) -- Responsáveis sindicais espanhóis manifestaram-se hoje pouco otimistas sobre o Conselho Europeu desta semana afirmando esperar poucas soluções para o grave problema do desemprego que afeta a União Europeia.

A preocupação sobre o mercado laboral e o elevado desemprego foi um dos temas dominantes do encontro de mais de 90 minutos que os responsáveis das principais centrais sindicais espanholas mantiveram hoje com o presidente do Governo espanhol, Mariano Rajoy.

Rajoy recebeu, no Palácio da Moncloa, os responsáveis da CCOO, Ignacio Fernández Toxo, da UGT, Cándido Méndez, e da USO, Julio Salazar, e ainda a secretária-geral da Confederação Europeia de Sindicatos (CES), Bernadette Ségol.