Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Sindicato pede investigação a despedimentos na Schnellecke

Lusa economia

  • 333

Lisboa, 09 fev (Lusa) - O grupo Schnellecke Portugal, fornecedor da Autoeuropa, despediu dez trabalhadores, informou o Sindicato dos Trabalhadores das Indústrias Transformadoras, Energia e Atividades do Ambiente do Sul (SITE Sul), que pediu a intervenção da Autoridade para as Condições do Trabalho (ACT).

Em comunicado divulgado no portal da Fiequimetal, federação sindical a que pertence o SITE Sul, é referido que "os responsáveis da Schnellecke iniciaram no dia 01 de fevereiro um processo de despedimento coletivo".

O sindicato adianta que, "ao mesmo tempo que entregavam a comunicação à Comissão de Trabalhadores, selecionaram e colocaram na rua os dez trabalhadores que pretendiam despedir".