Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Sharp vai cortar 5.000 postos de trabalho em todo o mundo até março de 2013

Lusa economia

  • 333

Tóquio, 02 ago (Lusa) -- O fabricante japonês de produtos eletrónicos Sharp vai cortar 5.000 postos de trabalho em todo o mundo até março de 2013, no âmbito de um plano de reestruturação, informou hoje a agência Kyodo.

De acordo com fontes próximas da empresa, citadas pela Kyodo, a Sharp ponderou inicialmente cortar 3.000 postos de trabalho no Japão, mas decidiu depois aumentar o número de despedimentos para acelerar a sua reestruturação.

A Sharp anunciou na semana passada que estava a analisar, pela primeira vez, a possibilidade de levar a cabo despedimentos em grande escala e a venda de escritórios para compensar os resultados alcançados entre abril e junho, que serão hoje revelados.