Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Restauração: CCP recomenda que autarquias não cobrem taxas para instalação de esplanadas no verão

Lusa economia

  • 333

Lisboa, 08 ago (Lusa) - A Confederação do Comércio e Serviços de Portugal (CCP) recomendou hoje que outros munícipios sigam a iniciativa da autarquia de Oliveira de Azeméis, que, durante o verão, autorizou os comerciantes a instalarem esplanadas no espaço público sem pagarem taxas.

Para Vasco Melo, vice-presidente da CCP, "esta medida surge um pouco em contracorrente com a tendência dos municípios, que é a de taxar cada vez mais os estabelecimentos" e é "obviamente uma excelente medida, que devia ser adotada pelos outros munícipios" para "aliviar os custos de contexto das empresas".

O dirigente considera mesmo que a isenção do pagamento de taxas pelos municípios "devia ser alargada às taxas municipais em geral", nomeadamente às taxas publicitárias, "que muitas vezes têm apenas que ver com [a empresa] ter o nome na montra".