Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Quadro comunitário será menos focado em "rotundas, piscinas e pavilhões gimnodesportivos" - ministro

Lusa economia

  • 333

Sintra, 07 dez (Lusa) - O ministro da Economia e do Emprego afirmou hoje que o próximo quadro comunitário plurianual vai ser "mais focado na indústria e nos recursos humanos" e menos nas "rotundas, piscinas e pavilhões gimnodesportivos".

Álvaro Santos Pereira afirmou, na palestra que deu hoje na Universidade Política do PSD, organizada pela JSD, em Sintra, que "os fundos estruturais foram muito centrados, durante uma ou duas décadas, nas infraestruturas" e que o que agora interessa a Portugal são "as redes transeuropeias de transportes e de energia".

"Em vez de utilizarmos [os fundos comunitários] para construir rotundas, piscinas, estradas e pavilhões gimnodesportivos, o que queremos é que vocês quando saírem da universidade criem as vossas empresas ou que exportem. Que criem uma empresa dinâmica, produtiva e com valor acrescentado", disse o ministro da Economia, em resposta a um participante da conferência e dirigindo-se à plateia.