Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Presidente do Bundesbank desconfia das baixas taxas de juro

Lusa economia

  • 333

Berlim, 18 mai (Lusa) - O presidente do Banco Central Alemão (Bundesbank), Jens Weidmann, mostrou-se preocupado com a política de baixas taxas de juro e apelou à continuidade da luta contra a crise, numa entrevista ao jornal Bild am Sonntag a divulgar no domingo.

Segundo excertos da entrevista, citado pela agência noticiosa AFP, o patrão do Bundesbank juntou-se às críticas recentes do presidente do Deutsche Bank, Jürgen Fitschen, contra a política de baixas taxas de juro praticada pelo Banco Central Europeu (BCE).

"Preocupa-me que a evolução positiva dos mercados financeiros e, em particular, as baixas taxas de juro levem a aligeirar os esforços na luta contra as origens da crise" na zona euro, declarou Weidmann ao jornal.