Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Presidente da PT acusa Europa de não ser solidária e pede "voz grossa" a Portugal

Lusa economia

  • 333

Santarém, 05 nov (Lusa) -- O presidente do Grupo PT, Henrique Granadeiro, disse hoje, em Santarém, que a Europa não tem sabido ser solidária e que está paralisada porque tem sido dirigida por um "bando de patetas", pedindo a Portugal "voz grossa".

Henrique Granadeiro foi o convidado do semanário regional 'O Mirante' para falar sobre o futuro da Europa, numa sessão com estudantes da Escola Superior de Gestão e Tecnologias de Santarém, promovida no âmbito das comemorações dos 25 anos do jornal.

"Não sabemos neste momento qual é o desígnio da Europa", afirmou, lamentando que, ao invés das receadas duas velocidades, se verifiquem hoje "muitas velocidades" e que, ao contrário de um diretório, a Europa esteja a ser comandada "por uma senhora que decide as agendas sózinha", na véspera dos conselhos.