Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Presidente da CAP admite que sem apoio do CDS/PP já não há Governo

Lusa economia

  • 333

Lisboa, 02 jul (lusa) - O presidente da Confederação dos Agricultores Portugueses, João Machado, expressou hoje "preocupação" com a demissão, desde segunda-feira, de dois ministros de Estado, admitindo que, na prática, Portugal já "não tem Governo".

"Não temos Governo. Só quem não dá por isso é o primeiro-ministro", comentou à agência Lusa João Machado, sublinhando os efeitos da demissão de Vítor Gaspar e, 24 horas depois, do ministro dos Negócios Estrangeiros, Paulo Portas, o que compromete a coligação.

O presidente da CAP reconheceu que "ainda é possível" que o Presidente da República faça alguma "diligência" para verificar se há condições para manter um governo com outros "protagonistas", mas, no caso de não haver, só resta marcar eleições legislativas antecipadas, o "mais rapidamente possível".