Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Passos diz que faz tudo para que piores estimativas de desemprego não se concretizem

Lusa economia

  • 333

Vila Pouca de Aguiar, 31 mai (Lusa) - O primeiro-ministro disse hoje que o Governo está a fazer tudo ao seu alcance para que as piores estimativas de desemprego não se concretizem e para que, até ao final do ano, se verifique uma inversão na tendência.

Pedro Passos Coelho comentou hoje, no decorrer de uma visita ao parque termal de Pedras Salgadas, Vila Pouca de Aguiar, os números sobre o novo recorde histórico na taxa de desemprego, que atingiu os 17,8%.

"Não há nestes números infelizmente nenhuma novidade. No cenário macro económico, que acertamos em finais de março e foi confirmado em maio com os parceiros internacionais, deixamos de lado a possibilidade de haver um recuo do desemprego", referiu.