Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Parte dos fundos para a reconstrução do Japão aplicados noutros projetos -- Auditoria

Lusa economia

  • 333

Tóquio, 01 nov (Lusa) -- Uma parte dos fundos em prol da reconstrução do nordeste do Japão depois do sismo e tsunami de março do ano passado foi aplicada noutros projetos, como a compra de terras raras ou ajuda externa, revela uma auditoria.

Segundo uma auditoria encomendada pelo Governo japonês e citada hoje pela imprensa local, uma parte dos 14.900 biliões de ienes (144 mil milhões de euros) dispensados para a reconstrução de Tohoku (nordeste do Japão) serviu, por exemplo, para a construção de estradas na ilha de Okinawa, no sul do país, e compra de oito mil milhões de ienes (77 milhões de euros) de terras raras, indispensáveis à indústria eletrónica.

Cerca de 4,2 mil milhões de ienes serviram também, segundo a mesma auditoria, para o envio de equipamentos de prevenção de catástrofes para países do sudeste asiático.