Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Oposição de São Tomé e Príncipe pedido de desculpas pela qualidade de arroz importado dos Camarões

Lusa economia

  • 333

São Tomé 03 Jul (Lusa) -- A oposição de São Tomé e Príncipe exigiu hoje ao governo um pedido de desculpas públicas pela falta qualidade do lote de 900 toneladas de arroz importado dos Camarões, depois de a tutela ter proibido a venda.

"O governo deve pedir desculpas públicas pelo seu envolvimento na importação desse arroz", disse Cecílio Quaresma, dirigente e deputado do partido Ação Democrática Independente (ADI), esta tarde em conferência de imprensa.

Em causa está a qualidade do arroz, importado pela empresa Modelo Importações, com o apoio do Ministério dos Negócios Estrangeiros, Cooperação e Comunidades, salientou o deputado, que acusa o governo de ter facilitado a importação de um produto sem qualidade, isentando-o de taxas aduaneiras.