Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

OE2013: Democracia saberá evitar "tentação prematura do poder" - Vítor Gaspar

Lusa economia

  • 333

Lisboa, 07 jun (Lusa) -- O ministro das Finanças, Vítor Gaspar, apontou hoje no parlamento a "tentação prematura do poder" e a "instabilidade política" como fatores de risco e incerteza, mas disse que "a democracia portuguesa saberá evitar" estes riscos.

Na sua declaração inicial a abrir o debate do Orçamento Retificativo que hoje decorre no Parlamento, Vítor Gaspar apontou aquilo que considerou vários riscos à situação atual.

"A falta de determinação, a inconstância de propósito, a tentação prematura do poder, a desorientação sectária, a instabilidade politica e a incapacidade de reflexão e deliberação política são fatores de risco e incerteza que a democracia portuguesa saberá evitar", disse o governante.