Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Novo ministro italiano das finanças quer pacto para promover investimento e consumo

Lusa economia

  • 333

Roma, 28 abr (Lusa) - O novo ministro das finanças de Itália, que hoje toma posse com o resto do governo, quer impulsionar o crescimento na terceira maior economia da Zona Euro através de um pacto para dinamizar o investimento e o consumo.

Fabrizio Saccomanni, ex-diretor do banco central italiano, disse ao jornal 'La Reppublica' que pretende promover um "pacto" entre os bancos, as empresas e os consumidores que retire "o fator psicológico da incerteza" que tem bloqueado os investimentos e a despesa.

Saccomanni disse que "um esforço coordenado" poderá "restaurar a preciosa confiança" na economia e acrescentou que pretende "restruturar a despesa" - uma medida que será seguida de perto pelos investidores preocupados com a dívida de dois biliões de euros do país.