Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Nokia vai cortar 10.000 postos de trabalho a nível mundial até final de 2013

Lusa economia

  • 333

Helsínquia, 14 jun (Lusa) -- A finlandesa Nokia, uma das principais fabricantes de telemóveis do mundo, anunciou hoje que planeia cortar cerca de 10 mil postos de trabalho a nível global até ao final do próximo ano para reduzir custos.

"Estas reduções são uma consequência difícil das ações previstas que acreditamos serem necessárias para garantir a competitividade da Nokia a longo prazo", afirma em comunicado o presidente executivo da empresa, Stephen Elop.

PNE.