Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Nespresso propõe redução de horário ou despedimento a sete trabalhadores no Porto

Lusa economia

  • 333

Porto, 24 out (Lusa) - A Nespresso, do grupo Nestlé, propôs hoje a sete trabalhadores da loja da Boavista, no Porto, a redução das atuais 40 para 16 a 25 horas de trabalho semanais, sendo a alternativa o despedimento.

Segundo revelou à agência Lusa um dos trabalhadores afetados, a decisão foi hoje comunicada por responsáveis superiores da Nespresso numa reunião que decorreu na loja da Boavista, tendo-lhes sido apontado o dia 01 de novembro como data limite para optarem.

A atividade abaixo do esperado da loja - a única no Porto do total de 11 'boutiques' que a marca de café possui em Portugal, sendo as restantes em Matosinhos (uma), Braga (uma), Aveiro (uma), Coimbra (uma) e Lisboa (seis) - terá sido a explicação avançada pela empresa para justificar a decisão.