Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Necessidade de ajustamento chegaria independentemente da participação no euro - Vítor Gaspar

Lusa economia

  • 333

Berlim, 21 nov (Lusa) - O ministro das Finanças, Vítor Gaspar, afirmou hoje em Berlim que a necessidade do ajustamento chegaria mais cedo ou mais tarde, independentemente da participação na zona euro mas que a moeda única torna-o mais ameno e ordenado.

"O que quero enfatizar é que a necessidade do ajustamento é algo que está presente independentemente da participação na zona euro, isto é, em primeiro lugar os desafios que surgiram iam surgir de qualquer modo, independentemente da participação na zona euro. Em segundo lugar, dado que os países estão na zona euro, parece-me que não há dúvida que o ajustamento na zona euro é muito mais ameno e mais ordenado que em qualquer outra alternativa", afirmou o governante.

Vítor Gaspar participa numa conferência organizada pelo Max Planck Institute for Tax Law and Public Finance que decorre no Ministério das Finanças da Alemanha, em Berlim, respondia a questões dos presentes após uma intervenção centrada na necessidade de debater a sustentabilidade do Estado Social a nível europeu.