Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Lagarde defende continuação das reformas a nível global

Lusa economia

  • 333

Washington, 02 ago (Lusa) -- A diretora geral do Fundo Monetário Internacional (FMI), Christine Lagarde, defendeu na quinta-feira a continuação de reformas profundas em países desenvolvidos e emergentes para promover o crescimento perante um contexto de incerteza.

Em declarações aos jornalistas, Lagarde recordou que, tanto os países da zona euro, como os Estados Unidos e o Japão e as economias emergentes da China, Índia ou Brasil deverão promover reformas para evitar uma recaída na crise.

A responsável propôs que a zona euro se centre em "reformas estruturais e na união bancária" para sair da crise, considerando que a consolidação deverá realizar-se ao ritmo que cada economia exigir.