Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Integração de Portugal na UE saldou-se num "semifalhanço"- Augusto Mateus

Lusa economia

  • 333

Lisboa, 30 mai (Lusa) -- Os 25 anos de integração portuguesa na União Europeia saldam-se num "semifalhanço", conclui um estudo hoje apresentado pelo economista Augusto Mateus, que atribuiu este resultado a "erros de alguma impreparação" da classe política.

O estudo "25 Anos de Portugal Europeu", coordenado pelo antigo ministro da Economia e hoje apresentado em Lisboa pela Fundação Francisco Manuel dos Santos, conclui que os 25 primeiros anos da integração de Portugal na União Europeia resultaram num semifalhanço, com melhorias em termos de qualidade de vida, mas falhanços na sustentabilidade.

"Fizemos coisas muito bem feitas, vivemos hoje melhor, mas cansámo-nos a meio caminho. Perdemos força e velocidade", disse o economista na apresentação do estudo, em Lisboa.