Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

IEFP poupa mais de 6 milhões de euros com redução de 150 cargos dirigentes

Lusa economia

  • 333

Lisboa, 12 out (Lusa) -- O Instituto de Emprego e Formação Profissional (IEFP) conseguirá poupar mais de 6 milhões de euros ao ano no âmbito da redução de 150 cargos dirigentes, que passam a desempenhar tarefas técnicas de apoio aos desempregados a partir de segunda-feira.

De acordo com os novos estatutos do IEFP hoje publicados em Diário da República, e que entram em vigor no dia seguinte à sua publicação, a nova estrutura diretiva do instituto público passa a ser constituída por 332 cargos dirigentes.

Fonte do Ministério da Economia e do Emprego disse à agência Lusa que esta redução de cargos de dirigentes permitirá uma poupança de cerca de 6 milhões de euros anuais.