Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Grupo alemão ThyssenKrupp anuncia despedimentos de 3.000 trabalhadores

Lusa economia

  • 333

Frankfurt, 15 mai (Lusa) -- O grupo industrial alemão ThyssenKrupp anunciou hoje que vai despedir 3.000 trabalhadores em todo o mundo depois de ter registado perdas líquidas de 89 milhões de euros entre janeiro e março.

"O número de trabalhadores em funções administrativas deverá ser reduzido em 3.000 entre os 15.000" atuais, declarou o grupo em comunicado.

O ThyssenKrupp é líder em aço na Alemanha e o exercício anual abrange o período entre outubro e setembro.