Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Governo japonês espera novas medidas de flexibilização por parte do Banco Central

Lusa economia

  • 333

Tóquio, 23 out (Lusa) -- O ministro japonês das Finanças, Koriki Jojima, espera que o Banco Central mantenha a sua política de aplicar "decisivas medidas de flexibilização" para impulsionar a economia, no quadro da cooperação entre o Governo e o banco emissor.

"O Governo e o BOJ [Banco Central do Japão] consideram importante combater a deflação", disse Koriki Jojima, citado pela agência Kyodo, realçando a importância dessa política de flexibilização com vista à conquista de tal objetivo.

"Esperamos que mantenha a estreita colaboração com o Governo e prossiga com decisivas medidas de flexibilização monetária", aditou o ministro, cujas declarações são proferidas nas vésperas da reunião do emissor, agendada para 30 de outubro.