Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Governo: Gaspar reconhece falta de credibilidade para continuar nas Finanças

Lusa economia

  • 333

Lisboa, 01 jul (Lusa) - O ministro das Finanças demissionário, Vítor Gaspar, admitiu falta de credibilidade para continuar no cargo, de acordo com a carta de demissão que enviou hoje ao primeiro-ministro.

"Numa carta de demissão é imperativo refletir sobretudo sobre as próprias limitações e responsabilidades. O incumprimento dos limites originais do programa para o défice e a dívida, em 2012 e 2013, foi determinado por uma queda muito substancial da procura interna e por uma alteração na sua composição que provocaram uma forte quebra nas receitas tributárias. A repetição destes desvios minou a minha credibilidade enquanto ministro das Finanças", lê-se na carta que Vítor Gaspar dirigiu a Passos Coelho, hoje divulgada pela tutela.

O ministro das Finanças demissionário vai ser substituído por Maria Luís Albuquerque, atual secretária de Estado do Tesouro, de acordo com informação disponibilizada no portal da Presidência da República.