Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Governo garantiu contenção de despesa e detalhe dos cortes estruturais em Dublin

Lusa economia

  • 333

Lisboa, 12 abr (Lusa) -- O Governo português garantiu aos ministros das Finanças da União Europeia e do euro que irá aplicar medidas de controlo de despesa para compensar o chumbo do Tribunal Constitucional e especificar já as medidas estruturais de corte na despesa.

"As autoridades portuguesas asseguraram-nos que irão acordar em breve com as instituições que compõem a 'troika' e legislar sobre as medidas compensatórias adequadas, baseadas na contenção da despesa, na sequência da decisão do Tribunal Constitucional sobre certas normas do orçamento de 2013", diz um comunicado conjunto do Eurogrupo e do Ecofin, na sequência das reuniões que decorreram hoje em Dublin, na Irlanda.

Os ministros das Finanças dizem ainda que as autoridades portuguesas se comprometeram a "detalhar plenamente a estratégia orçamental de médio prazo, baseada em medidas de consolidação orçamental estruturais que permitirá garantir uma consolidação orçamental duradoura e sustentabilidade da dívida pública, respeitando os requisitos da União Europeia".