Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Fundos comunitários vão ser "o agente das transformações estruturais do país" - Governo

Lusa economia

  • 333

Lisboa, 08 jan (Lusa) - O secretário de Estado Adjunto da Economia e do Desenvolvimento Regional, Almeida Henriques, afirmou hoje que os fundos comunitários do próximo quadro plurianual europeu vão ser "o agente das transformações estruturais do país" e o "motor da reindustrialização".

Num discurso proferido hoje na conferência "Quadro Estratégico Europeu 2014-2020 - Os Fundos Comunitários: Passado e Futuro", que decorre em Lisboa, António Almeida Henriques, disse que, "num especial contexto de severo aperto das contas públicas, os fundos europeus são, mais do que nunca, o agente das transformações estruturais do país".

De acordo com o governante, os fundos europeus que Portugal vai receber entre 2014 e 2020 "serão o motor da reindustrialização, da expansão e internacionalização das PME [pequenas e médias empresas], e de uma especialização inteligente de base regional".