Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

França mantém previsão do défice em 2013 nos 3% apesar das estimativas do FMI

Lusa economia

  • 333

Paris, 22 dez (Lusa) - O primeiro-ministro francês, Jean-Marc Ayrault, reafirmou hoje o objetivo do seu governo de manter o défice abaixo dos 3% do PIB em 2013, apesar das previsões do FMI, que o colocam meio ponto percentual acima.

"É um objetivo indispensável. A França comprometeu-se com um combate de controlo [das contas públicas] e temos que levá-lo a cabo. É um combate difícil", disse o chefe do governo aos jornalistas, citado pela AFP, durante uma visita a um centro de acolhimento de sem-abrigo em Paris.

O Fundo Monetário Internacional (FMI) divulgou na sexta-feira a sua previsão para o défice público francês, situando-o acima dos 3% no final de 2013, estimando ainda que o crescimento da economia francesa será inferior ao calculado pelo governo.