Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

FMI quer zona euro com orçamento comum e Eurobonds

Lusa economia

  • 333

Lisboa, 25 set (Lusa) -- O Fundo Monetário Internacional (FMI) defende a criação de uma união orçamental na zona euro, com um orçamento comum e a emissão de Eurobonds, para se evitar uma nova crise na região.

Num relatório intitulado 'Toward a fiscal union for the euro area' (a caminho de uma união orçamental para a zona euro), o FMI defende que, no mínimo, uma integração orçamental mais profunda requer maior controlo dos Estados-membros e a finalização rápida da união bancária, com um fundo comum de apoio a bancos em dificuldades.

O FMI sugere aos decisores políticos que criem um fundo para eventualidades, com os países no total, a contribuírem com até 200 mil milhões de euros por ano para ajudar países mais fracos, e assim evitar uma crise sistémica.