Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

FMI diz que prioridades em França devem ser ajustamento orçamental e reforma laboral

Lusa economia

  • 333

Paris, 05 nov (Lusa) -- O Fundo Monetário Internacional (FMI) comunicou hoje que as prioridades políticas para França devem focar-se sobre o ajustamento orçamental, mas também no mercado laboral e na racionalização da taxação de rendimentos.

"O Governo lançou -- e bem -- um debate abrangente sobre o tema [da competitividade] e interagiu com os parceiros sociais num diálogo sobre reformas críticas. Isto cria uma oportunidade única para alcançar reformas significativas", escreveu o FMI num documento publicado no mesmo dia do relatório "Gallois", que recomendou a redução dos custos de trabalho em 30 mil milhões de euros.

De acordo com a organização liderada pela francesa Christine Lagarde, as prioridades de política para o futuro em França devem basear-se no "ajustamento orçamental de qualidade", com uma maior racionalização e limitação da despesa pública, nas "reformas do mercado laboral e serviços para reduzir custos", assim como na "racionalização da taxação do rendimento financeiro".