Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Euro/Crise: Juros de Portugal em forte alta depois das críticas de Bruxelas à Moody's

Lusa economia

  • 333

Lisboa, 25 jul (Lusa) - Os juros de Portugal seguiam hoje pressionados em todos os prazos, no dia em que a vice-presidente da Comissão Europeia Viviane Reding alertou para o momento escolhido pela Moody's para lançar os alertas sobre o 'rating' dos países europeus.

Cerca das 12:40, os juros exigidos pelos investidores para comprar dívida portuguesa no mercado secundário seguiam a subir no prazo dos dois anos para os 8,153 por cento, a avançar a cinco anos para os 10,834 por cento e a transacionar-se na maturidade dos dez anos para os 11,390 por cento, face a terça-feira.

Os investidores compravam dívida portuguesa, na terça-feira, à mesma hora, à taxa de juro de 7,834 por cento a dois anos, na maturidade dos cinco anos à taxa de 10,834 por cento e no prazo dos 10 anos nos 11,390 por cento.