Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Euro/Crise: Juncker e Lagarde insistem que programa português é um caso de sucesso

Lusa economia

  • 333

Nicósia, 14 set (Lusa) -- O presidente do Eurogrupo e a diretora do Fundo Monetário Internacional (FMI) reiteraram hoje, em Nicósia, que Portugal e Irlanda são dois casos de sucesso na implementação dos programas de ajustamento.

Falando na conferência de imprensa no final de uma reunião do Eurogrupo, que antecedeu o encontro informal de ministros das Finanças da UE, que decorre entre hoje e sábado na capital cipriota, Jean-Claude Juncker defendeu que Irlanda e Portugal "são a prova viva de que os programas de ajustamento funcionam", desde que haja um "compromisso genuíno para fazer reformas".

Por seu turno, a diretora do FMI, Christine Lagarde, sustentou que "em relação à Irlanda e a Portugal, a zona euro tem histórias de sucesso para reportar", graças à "boa implementação dos programas" apesar do ambiente adverso.