Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Estado lança novo produto de poupança destinado a investidores particulares

Lusa economia

  • 333

Lisboa, 10 out (Lusa) -- O Estado lançou hoje um novo produto de poupança destinado a investidores particulares com menor necessidade de liquidez, os 'Certificados do Tesouro Poupança Mais' (CTPM), que pode ser subscrito a partir de 31 deste mês.

Os CPTM podem ser subscritos apenas por investidores particulares, por prazos de cinco anos, e amortizados na respetiva data de vencimento ou antecipadamente, nas condições fixadas na resolução hoje publicada em Diário da República, que vão dos 2,75% no primeiro ano aos 5% nos quarto e quinto anos.

As taxas de juro fixadas para os CTPM na data da sua subscrição são garantidas até à sua amortização, e esta é feita ao valor nominal na data do seu vencimento, mas o Governo, através do Ministério das Finanças, tem a prerrogativa de alterar as taxas de juro dos CTPM que venham a ser emitidos após a data de entrada em vigor do despacho hoje publicado.