Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Espanha: Ministro da Economia rejeita ajustes adicionais para eventual intervenção do BCE

Lusa economia

  • 333

Madrid, 29 ago (Lusa) -- O ministro da Economia espanhol, Luis de Guindos, garantiu hoje que "ninguém está a negociar qualquer tipo de ajuste adicional" para conseguir que o Banco Central Europeu (BCE) intervenha no mercado de dívida soberana de Espanha.

Em conferência de imprensa na sede do Partido Popular (PP), antes da reunião da equipa económica do partido do Governo em Espanha, De Guindos afirmou que "o compromisso de Espanha com a consolidação fiscal é absoluto e total".

Isso, afirmou, "é o que têm que ter em consideração os parceiros europeus".