Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Espanha: Funcionários que ganhem menos de 962 euros manterão subsídio de Natal

Lusa economia

  • 333

Madrid, 17 jul (Lusa) -- O ministro da Fazenda espanhol anunciou hoje que os funcionários públicos que recebam menos de 1,5 vezes o salário mínimo, ou 962 euros brutos, não sofrerão o corte no subsídio de Natal este ano.

Cristóbal Montoro disse no Senado que, como tal, o ajuste que se insere no último pacote de austeridade do Governo, "não afetará, portanto, a milhares de pessoas".

Recorde-se que o Governo anunciou na semana passada um amplo pacote de ajuste de 65 mil milhões de euros ao longo dos próximos dois anos, que inclui o aumento do IVA (a partir de setembro) e o corte do subsídio de Natal dos funcionários públicos.