Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Espanha: Fuga de capitais chegou a 163 mil milhões de euros até maio - banco central

Lusa economia

  • 333

Madrid, 31 jul (Lusa) - Nos primeiros cinco meses de 2012 foram retirados de Espanha 163 mil milhões de euros, um valor que fica pouco abaixo de toda a riqueza produzida em Portugal durante um ano, anunciou hoje o banco central espanhol.

Estes números refletem o aprofundar da crise de confiança da economia espanhola. Só em maio, segundo o Banco de Espanha, saíram 41.300 milhões de euros do país; por comparação, em maio de 2011 este fluxo tinha chegado aos 9.500 milhões de euros, mas o saldo era positivo, porque tinham entrado em Espanha 24 mil milhões de euros.

O Governo está a fazer "tudo o que lhe cabe" para evitar a fuga de capitais, disse hoje a secretária de Estado dos Assuntos Fiscais espanhola, Marta Fernández Currás.