Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Embarque com destino a Maputo permitido apenas a passageiros com visto - TAP

Lusa economia

  • 333

Lisboa, 16 jan (Lusa) -- A TAP está a informar os passageiros com destino a Maputo que só podem embarcar se forem portadores do visto de entrada válido, na sequência de uma "mudança de prática" das autoridades moçambicanas, disse hoje à Lusa o porta-voz da companhia aérea nacional.

"Há problemas com os vistos. Até agora eram concedidos também à entrada e, por isso, neste momento estamos a aconselhar os passageiros a munirem-se do respetivo visto ainda em Portugal porque as pessoas que chegam ao país sem visto são devolvidas à procedência", explicou António Monteiro, porta-voz da TAP.

"Há uma mudança brusca dessa prática. É evidente que as autoridades moçambicanas têm o direito de proceder como acham melhor e o normal até é o visto ser obtido por antecedência, como acontece na generalidade dos países africanos. Aqui o problema é que foi uma prática alterada de uma forma um pouco abrupta", acrescentou António Monteiro, sublinhando que a TAP está a alertar os agentes de viagem e os passageiros.