Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Economista espanhol propõe plano fiscal europeu para ajudar Portugal e Espanha

Lusa economia

  • 333

Madrid, 18 mai (Lusa) - O economista espanhol José Carlos Diez propôs hoje a adoção de estímulos fiscais através de um plano europeu "concentrado em países em depressão como Espanha ou Portugal".

Esta é uma das ideias do economista chefe da Intermoney que defende no seu livro "Há vida depois da crise" e onde explica como se chegou à situação atual e o que se pode fazer para sair dela.

O economista, em entrevista à agência EFE, considera que Banco Central Europeu (BCE) deveria intervir massivamente nos mercados comprando dívida pública para "normalizar" o acesso ao financiamento, baixar o valor do euro para que as praias espanholas e portuguesas se "encham" de turistas e cresçam as exportações.