Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

É preciso acabar "com dependência do Estado" em matéria de inovação - diretor da Autoeuropa

Lusa economia

  • 333

Lisboa, 19 mar (Lusa) - O diretor-geral da Autoeuropa afirmou hoje que "há que acabar de uma vez por todas com a dependência do Estado" quando falava sobre políticas de inovação para Portugal, acrescentando que estas devem ser "geradas pelas empresas e pela sociedade".

António Melo Pires, que falava aos jornalistas sobre o resultado do painel de opinião do Barómetro de Inovação da Cotec, disse que Portugal continua "a sofrer da dependência do Estado" e que tal situação "não nos vai levar a lado nenhum", acrescentando ter "uma visão muito crítica na gestão da inovação".

Isto porque, segundo o responsável pela fábrica da Volkswagen em Portugal, "o Estado injeta dinheiro público e não o controla", pelo que é necessário "questionar os incentivos à inovação e saber se têm resultados práticos".