Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Crise política portuguesa alimenta tensão na bolsa e mercado da dívida espanhóis

Lusa economia

  • 333

Madrid, 3 jul (Lusa) -- A crise política portuguesa está a causar tensões no mercado da dívida soberana e na bolsa em Espanha, agravando uma situação já negativa devido à preocupação sobre a situação no Egito e sobre os dados macroeconómicos na China.

O principal indicador da bolsa espanhola, o Ibex-35, abriu no vermelho e pouco depois das 09:30 locais (08:30 em Lisboa) perdia 2,91% para 7.657 pontos, com o risco da dívida - medido pelo diferencial entre os títulos espanhóis e alemães a 10 anos -- a subir 5,14% para 312,7 pontos base.

No mercado secundário os títulos espanhóis a 10 anos estavam a negociar a 4,77%.