Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

China continuará a abrandar e economia global crescerá menos - FMI

Lusa economia

  • 333

Washington, 09 out (Lusa) - O crescimento da economia chinesa, a segunda maior do mundo, continuará a abrandar em 2014, para 7,3 %, indicou na terça-feira o Fundo Monetário Internacional (FMI), revendo em baixa as suas previsões acerca da economia global.

Pelas contas do FMI, a economia mundial deverá crescer este ano apenas 2,9 % (menos 0,3 pontos percentuais do que a instituição previu em julho) e 3,6 % em 2014 (menos 0,2 pontos percentuais).

"O arranque do crescimento global é lento, os motores da atividade estão a mudar e os riscos de retrocesso persistem", afirma o FMI no seu último "Panorama Económico Mundial".