Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Bundesbank diz que crise europeia vai demorar uma década a ser superada

Lusa economia

  • 333

Frankfurt, 17 abr (Lusa) - O governador do banco central alemão alertou hoje que a crise de dívida europeia pode demorar uma década a ser superada, discordando da posição expressa por alguns líderes políticos que têm afirmado que o pior da crise já passou.

"Ultrapassar a crise e os efeitos da crise vai continuar a ser um desafio ao longo da próxima década", afirmou Jens Weidmann, em entrevista ao Wall Street Journal, divulgada na edição online de hoje do jornal norte-americano, contrariando a opinião do presidente da Comissão Europeia, Durão Barroso, que disse recentemente que o pior da crise já passou.

O governador do Bundesbank defendeu que o Banco Central Europeu (BCE) pode baixar as taxas de juro se as estatísticas do rendimento e da inflação sugerirem que é preciso, mas alertou que isso não vai alterar as fortunas dos países da área do euro.