Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Brasileira Embraer quer reforçar posição no setor da Defesa e Segurança

Lusa economia

  • 333

Rio de Janeiro, 14 abr (Lusa) -- A Embraer, o terceiro maior favbricante mundial de aviões comerciais, quer reforçar a sua presença no lucrativo setor da defesa com o forte apoio do governo brasileiro.

A companhia pretende aumentar as suas vendas no setor em 25 % este ano, explicou o presidente da Embraer Defesa e Segurança, Luís Carlos Aguiar, à margem de uma exposição do setor no Rio de Janeiro.

Entre 2006 e 2012, a Embraer expandiu a sua atividade em cerca de 29 % ao ano tendo agora uma quota de 17 % das vendas, uma subida de seis pontos percentuais.