Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Bloco de Esquerda chama Relvas, administração e trabalhadores à AR sobre imagens da RTP

Lusa economia

  • 333

Lisboa, 22 nov (Lusa) - O Bloco de Esquerda entregou hoje um requerimento à Assembleia da República (AR) para ouvir, entre outros, o presidente do Conselho de Administração da RTP, o diretor de informação demissionário Nuno Santos e o ministro Miguel Relvas.

"O diretor de informação da RTP demitiu-se na sequência da suspeita de atropelos ao estatuto dos jornalistas em curso neste momento na RTP. Em causa a eventual cedência ao Governo ou a forças policiais, ou a visualização por pessoas estranhas à RTP, de imagens captadas pelas diversas câmaras envolvidas na cobertura das atividades relativas à manifestação e greve geral de 14 de novembro, sem que tenha existido qualquer mandato judicial para o efeito", diz a nota enviada à Lusa.

"Ao abrigo do Estatuto dos Jornalistas, nomeadamente do seu artigo 11.º, as imagens e sons não editados nem transmitidos, têm a mesma proteção legal das notas dos jornalistas. Não é possível ter acesso a este material sem autorização de magistrado", sublinha o documento, que pede a "audição urgente" do diretor de informação da RTP demissionário, Nuno Santos, do Conselho de Redação da RTP, da Comissão de Trabalhadores da RTP, do presidente do Conselho de Administração (CA) da RTP, do ministro-adjunto e dos Assuntos Parlamentares e do Sindicato dos Jornalistas.