Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Banco de Espanha não descarta algum desvio do défice em 2012

Lusa economia

  • 333

Madrid, 21 nov (Lusa) -- O governador do Banco de Espanha afirmou hoje que a entidade não descarta algum desvio no objetivo de défice para este ano (6,3 % do PIB) afirmando que o seu cumprimento dependerá das receitas tributárias.

Luis María Linde analisou a conjuntura económica numa intervenção na Comissão de Orçamento do Senado, em Madrid, onde reconheceu que o processo "imprescindível" de ajuste ocorre num momento delicado.

Antecipando que as medidas de correção do défice adotadas pelo Governo tardarão em fazer sentir os seus efeitos, Linde reconheceu que não se evidenciam melhorias na produtividade nem na criação de emprego.