Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Austeridade: Medidas terão efeito depressivo e aumentarão desemprego no Turismo algarvio - hoteleiros

Lusa economia

  • 333

Faro, 10 set (Lusa) -- A principal associação hoteleira do Algarve disse hoje que as medidas anunciadas pelo primeiro-ministro terão um efeito depressivo no setor, aumentando o desemprego e retraindo o mercado do Turismo, pois retirarão poder de compra aos potenciais clientes portugueses.

"A descida da Taxa Social Única (TSU) não é suficiente para compensar os prejuízos decorrentes de mais austeridade e da descida de procura dos turistas nacionais", disse à Lusa o presidente da Associação dos Hotéis e Empreendimentos Turísticos do Algarve (AHETA), Elidérico Viegas.

Por outro lado, o dirigente hoteleiro assegurou que o aumento da contribuição para a Segurança Social por parte dos trabalhadores será em grande parte suportada pelas empresas: "A atual elasticidade do mercado de trabalho não permite que os trabalhadores a termo e temporários, que já constituem uma parte significativa do mercado de mão-de-obra, suportem esses aumentos de taxa".