Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Associação Portuguesa de Seguradores quer ativar seguro de condutor em Portugal

Lusa economia

  • 333

Lisboa, 23 out (Lusa) - A Associação Portuguesa de Seguradores (APS) quer ativar em Portugal o seguro de condutor, contornando uma lacuna do atual seguro de responsabilidade civil obrigatório, que só cobre o condutor em caso de acidente sem culpa.

"O que a APS desenhou é um produto que permite que os condutores tenham uma cobertura muito próxima da que têm quando não são culpados ou da que têm os ocupantes ou os peões, sendo indemnizados de acordo com os critérios que a lei define", explicou à agência Lusa o presidente da comissão técnica auto e acidentes da APS.

Falando no âmbito da conferência 'A proteção das vítimas de acidentes', que hoje decorre em Lisboa, José Alvarez Quintero afirmou que, "se esta cobertura fosse alargada a todos os veículos, poderia evitar-se que, nos próximos 10 anos, as cerca de 8.000 vítimas mortais ou com ferimentos graves nos acidentes de viação [que se estima irem ocorrer nesse período] ficassem desprotegidas, como estão agora".